Não é cadastrado, clique aqui!
Não é cadastrado, clique aqui!
Domingo, 21 de setembro de 2014
Esquerda
Direita
Share
Publicada em 11/08/2006
1477 pessoas já leram esta matéria.  

Previdência: estudante pode começar a contribuir com o INSS aos 16 anos

SÃO PAULO - Para garantir o futuro, muitas pessoas começam a pensar na aposentadoria logo cedo. Mas o que muitas delas não sabem é que os estudantes maiores de 16 anos, sem renda própria, podem contribuir para o INSS (Instituto Nacional do Seguro Social).

Contribuinte facultativo
Para que o aluno se torne um segurado e passe a ter direito a diversos benefícios (aposentadorias por invalidez, por idade, especial e por tempo de contribuição; auxílios acidente e reclusão, salário-família, pensão por morte e salário-maternidade), basta que ele se inscreva na categoria de contribuinte facultativo.

As inscrições podem ser feitas pela Internet, telefone (0800-728-0191) ou nas Agências da Previdência Social. A contribuição mensal é de 20% sobre um valor que varia entre o salário mínimo (R$ 350,00) e o teto da Previdência Social, hoje no valor de R$ 2.801,56.

Período de contribuições
Entretanto, para ter direito aos benefícios, o segurado deve cumprir um período mínimo de contribuições: no caso das aposentadorias por tempo de contribuição, especial e por idade, são necessárias, no mínimo, 180 contribuições.

Já a carência para o auxílio-doença e para a aposentadoria por invalidez é de 12 meses de contribuições. No caso do salário-maternidade, o prazo é de apenas 10 meses e para o auxílio-acidente, salário-família, pensão por morte e auxílio-reclusão, não há carência.

Fonte: Infomoney, 11 de agosto de 2006. Na base de dados do site www.endividado.com

Destaques

Cadastre-se e receba notícias. É grátis!