Não é cadastrado, clique aqui!
Não é cadastrado, clique aqui!
O Ministro do STF Luiz Fux concedeu auxilio-moradia de R$ 4.377,73 para todos os desembargadores, juízes e promotores de justiça. O gasto pode ser de bilhões de reais por ano. O que você acha?
Não concordo, pois é um abuso com o dinheiro público.
Não concordo, por outro motivo.
Concordo, estes servidores da justiça fazem juz a este benefício.
Quarta-feira, 26 de novembro de 2014
Esquerda
Direita
Share
SPC / SERASA / SCPC
Cadastros de Crédito   |   Cadin   |   Dívidas
Cadastros de Crédito
70385 pessoas já leram esta FAQ. 

ESCOLAS e FACULDADES podem inserir o nome dos devedores na SPC e SERASA?

Sim. Não existe qualquer lei que impeça que os estabelecimentos de ensino registrem o nome de seus devedores nestes ou em outros bancos de dados.

Portanto, se houver dívidas, escolas, faculdades, cursos e outros estabelecimentos de ensino têm todo o direito de inscrever o nome do devedor nos cadastros de restrição ao crédito como SPC e SERASA.

O aluno que não tiver mais interesse ou condições de continuar cursando as aulas, não pode simplesmente abandonar o curso sem informar nada à instituição pois, dessa maneira, continuará obrigado a pagar as mensalidades até a próxima matrícula, como se estivesse cursando normalmente.

O correto, neste caso, é fazer um comunicado por escrito informando a desistência do curso, o qual deverá ser protocolado junto à instituição, para ter provas do pedido.

Com isto, não ficará mais obrigado a pagar as mensalidades posteriores ao pedido. Porém deve ficar atento às cláusulas do contrato, verificando se não há multas pelo cancelamento.

Estas multas, normalmente, são fixadas em 10% do valor das mensalidades que ainda não foram pagas e se a multa for superior o aluno poderá discuti-la na justiça, alegando que a mesma é abusiva.

Fonte: Site www.endividado.com.br

Comentários
12 comentários
Mais sobre Cadastros de Crédito
Cadastre-se e receba notícias. É grátis!